Archive for the ‘ desabafo ’ Category

Canção pra você viver mais

A vida se escreve de maneira diferente para cada pessoa, mas é inegável que para alguns tudo vem com mais dificuldade. Admito que a minha vida tem sido música, que navego nela com grande alegria no coração e abraçando sem grandes dificuldades os tropeços que aparecerem.

A minha vida ter tanta suavidade me faz as vezes ter remorso, pela falta de suavidade de quem me faz feliz.

Por maiores que fossem as minhas preocupações, eu sempre via que

O amor pede doação, pede que você aceite

Amiga, por favor não vá embora.

E eu te digo amiga minha, esquece, que grande é este amor que vê envelhecer e não envelhece.

Tento te saber julgar e tento não entender, mas não consigo não preocupar. O vai e vem da vida leva o nosso barquinho pra longe e pra perto, e pra longe estando perto, e a gente navega, navega e volta a se encontrar porque você um dia chega e sai falando como se tivessem passados cinco minutos e não cinco anos, e isso me deixa tranqüila.

Cada um sabe a dor e a delícia de ser quem se é.

Pego a tua mão e digo vem. Solto ela e te vejo ir embora. Preferia resolver tudo pra ti, da minha maneira meio maniqueísta e prática, mas tento entender que existe tão mais entre o teu céu e a tua terra do que eu gostaria… e te deixo, e me afasto, esperando que tu volte falando como se tudo estivesse bem.

Me aflige não poder te salvar. Me aflige você não ter certeza se quer ser salva.

Não existe esta determinação da condenação em que você vive!

Quero aquele conforto de quem confia em mim plenamente, que me pede conselho e acha que eu sempre sei o que fazer, quero o conforto de quem eu posso confiar as minhas piores fraquezas, que me diz, “bom, aí eu fui pro teu lado e pensei, é agora que a gente vai apanhar, mas eu não vou deixar a minha amiga apanhar sozinha”. Quero saber que se um dia eu matar alguém e ligar pra ela, ela vai perguntar onde eu estou e vir com uma pá e um saco de cal. Pra quem você ligaria se tivesse um corpo pra se livrar?

Eu ligaria pra uma pessoa que nesse instante não atenderia.

Minha amiga. O vai e o vem da vida não te dão o direito de desistir da brincadeira. Você não pode fazer isso comigo. Você não pode fazer isso com a vida que está te esperando pra ver vivida.

Volta.

Vive mais.

Tem uma cidade de gente que te ama, tem uma corrente de oração aqui fora, tem gente de todo lugar querendo o teu bem, e não é certo virar as costas para todos. Tu nunca fugiu de uma briga, não vai se acovardar logo agora.

Tudo acaba bem! Se não está bem não acabou.

Queria escrever um texto de verdade, mas tudo o que me ocorrem são estes clichês, frases feitas que me lembram nossas vidas feitas, adolescências, dramas, caderninhos de recordações. E depois todas as reviravoltas que nunca imaginamos naquelas tardes preguiçosas de sol e baunilha.

Deixa esta ser apenas mais uma reviravolta!

Volta.

Pra você viver mais!